Peru é o sétimo fornecedor de frutas para a China entre janeiro-abril de 2021, participando com 2% do total

Entre janeiro e abril de 2021, as exportações peruanas de frutas para a China somaram US $ 172 milhões, com aumento de 17% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Durante os primeiros quatro meses de 2021, as importações de frutas da China totalizaram US $ 5.349 milhões, apresentando aumento em relação ao mesmo período do ano anterior.

Do total importado, Millones R $ 172 foram importados do Peru, registrando um Aumento de 17% em comparação com janeiro-abril de 2020.

Apesar desse crescimento, o Peru caiu uma posição no ranking de fornecedores e se posicionou como o XNUMXº fornecedor de frutas na China, com 2% de participação (semelhante ao ano anterior). O país que ultrapassou o Peru no ranking foi Estados Unidoso que aumentou sua participação de 1.40% para 2.30%.

Os principais produtos peruanos importados pela China nos primeiros quatro meses do ano foram uvas, com 79% de participação (7 pontos percentuais a menos); a mirtilo, com 12% de participação (3 pontos percentuais a mais); abacate, com 7% (3 pontos percentuais a mais); e manga, com 1% (1 ponto percentual a menos).

Além desses produtos, um dos mais destacados foi a mandarim peruana, cujas aquisições passaram de menos de US $ 1.000 a quase US $ 1 milhão.

Neste destino, principais compradores das frutas peruanas foram Shenzhen Oheng Import & Export Co. Ltd., com 12% de participação, e Shenzhen Harvest-Time Imp. & Exp. Co. Ltd., com 9%.

Artigo anterior

próximo artigo

POSTAGENS RELACIONADAS

A Westfalia aumenta as credenciais verdes ao obter o credenciamento do CAR...

INTERFRESA leva os valores saudáveis ​​dos mirtilos a Madrid

Fall Creek incorpora novo gerente comercial para Peru, Colômbia e Equador